21 de setembro de 2005

multiplicação e tabuada usando os dedos

Tenho que partilhar esta curiosidade com vocês, que encontrei no site matemática, visto ser bastante interessante.

Durante a Idade Média e o Renascimento, poucas foram as pessoas que chegaram a conhecer a tabela de multiplicar para além de 5x5. Assim, usava-se um método muito popular que se baseava no uso dos complementos dos números dados relativamente a 10. Como tal, o complemento de n relativamente a 10 será 10-n.

Neste método era frequente usar os dedos das mãos como instrumento de cálculo . Associa-se aos dedos de cada mão os números de 6 a 10, começando pelo dedo mindinho.

Para multiplicar 7 por 8 tocam-se os dedos associados ao 7 e ao 8.

O complemento de 7 está representado pelos três dedos superiores (situados acima dos dedos em contacto) de uma mão e o complemento de 8 pelos dedos superiores na outra mão. Os cinco dedos inferiores representam o 5, ou seja, 5 dezenas. A 50 adiciona-se o produto dos dedos superiores, ou seja 6, dando no total 56.


Tabuada do 9

Associa-se aos dedos de cada mão os números de 1 a 10 começando pelo dedo polegar.

O produto de 9xn vê-se baixando o n-ésimo dedo a contar da esquerda para a direita. Por exemplo, 9x4 corresponde a baixar o 4º dedo. Ficam 3 dedos levantados antes do dedo que se baixa e 6 depois. O que significa 36, que é o resultado pretendido.

Do mesmo modo se faz para 9x9 , como ilustra a imagem.
Já sabem, quando tiverem falhas de memória relativas à tabuada e não tiverem uma calculadora por perto sempre podem refugiar-se neste método;)

4 comentários:

Luís (Wolfie) disse...

LOL!
Acho que preciso de uma cábula só para isto :D
Esta cabeça já não é o que era... Eheheh!

Mas tá muito engraçado! Uma excelente partilha :D

Carriço disse...

Espero poder brilhar em breve, com estas dicas! ;)

Muito interessante!
Saudações

FDV disse...

contar pelos dedos também é um bom método, mas não há nada como cálculo mental. muito interessante apontamento.

cumprimentos.

joaof3 disse...

«Código de Barras»(Clã), Jorge Cruz, psyché lândia....hmmm, isto soa-me a vagamente familiar...i wonder if we know each other!

De qqr modo, gostei do blog.

fiona bacana